Namoro

Match de araque: criminosos descobrem o Tinder; conheça os golpes

Página para 810604

Estava oficialmente no Tinder. Era o início depassados três anos da estreia do aplicativo de namoro no Brasil. Cada um deles apresentava uma ou mais fotos de perfil, com nome, idade e, às vezes, descrições de quem eram. A popularidade do serviço fez com que outros, internacionais e nacionais, surgissem por aqui. Dois anos depois, decidi investigar essas questões sob as lentes da ciência, da psicologia e da história da tecnologia. É o caso de Ana Luíza Bussular, jornalista de 25 anos que conheci por meio de uma amiga em comum. A Analu, como todos a chamam, é de Vitória, mora em Curitiba, mas foi em uma viagem ao Rio, emque encontrou o programador Gabriel Arrais. Estava passando as férias na casa de uma amiga e, após um dia de praia, decidiu baixar o Tinder para tentar conhecer algum carioca antes de voltar para o Sul. Era a quarta vez que Analu instalava o app.

Veja também:

É uma conversa telefônica difícil de ouvir. Roy Twiggs mostra as trocas de email com uma pessoa que se passava por uma mulher americana chamado Donna. Roy pensava que eles estavam apaixonados e que iriam se esposar. Fui mandando 3 mil libras, 4 mil libras. Quando somei tudo, tinha pago para ela a maior peça das mil libras que ela dizia que precisava. Você se sente desbaratado, devastado, acabado. Ela é nova namorada americana de Roy.

Notícias relacionadas

Brasileiros, o mundo inteiro sabe, adoram uma rede social. Se acontecer de A gostar de B e B gostar de A, o aplicativo detecta a coincidência de gostos e… match! Os criminosos também. Aqui, os mais comuns. O personagem é velho como o mundo. Em geral, suas vítimas eram recém-separadas na faixa dos 35 aos 50 anos. O dom-juan cearense, quanto o apelidaram os policiais, foi preso em agosto. Ele se apresentava no Tinder como um coronel do Exército lotado na Agência Brasileira de Inteligência diante de suas vítimas, o dissimulação ajudava a justificar as ausências frequentes e a resistência a dar detalhes sobre o seu trabalho.

Leave a Reply

Your email address will not be published.