Lugares

Mulheres na Índia

Garotas divorciadas 437840

Sua filha ainda por nascer pode ganhar um desses nomes maravilhosos de mulheres que fizeram diferença no mundo. Inspirado na renomada aviadora americana Amelia Earhart Indira Gandhi Indira foi a primeira mulher a atuar como primeira ministra da Índia. No ano deela ganhou o Prêmio Nobel de Química pela descoberta do polônio. Foi o segundo nome da conhecida escritora britânica Adeline Virginia Woolf Ela também foi pioneira em se expressar sobre os direitos das mulheres, sobre a identidade e o papel das mulheres na arte e na literatura. Ela foi uma artista que revolucionou o mundo da arte ao expressar todo o seu mundo interior sobre tela.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Desde as bruxas perseguidas na idade média, até as sufragistas que foram às ruas para conquistar o direito ao voto, é impossível separar os períodos importantes da humanidade das conquistas feministas que acompanharam o passar dos anos. O combate à estrutura patriarcal é sim muito mais discutido hoje em dia. Para ilustrar a trajetória das feministas até os dias de hoje, nós buscamos marcos importantes na prova dos direitos das mulheres ao longo da história. Esperamos que a lembrança de cada uma destas conquistas feministas no Brasil fortaleça ainda mais as suas razões para acreditar e defender o feminismo nos dias de hoje:. A autora Nísia Floresta desafiou as tradições e costumes da sociedade ao publicar seu livro Direitos das Mulheres e Injustiças dos Homens. Somente em é que as portas das universidades foram abertas à presença feminina.

A 'boa família'

Para Nujood, o pesadelo começou aos dez anos, quando soube, por sua parentela, que se casaria com um entregador de mais de 30 anos de idade. Celebridade Jornalistas iemenitas fizeram dela uma causa célebre, e Nujood por fim conseguiu o divórcio que desejava. A publicidade que cercou o conto inspirou outras meninas, como uma guria saudita de oito anos casada com um homem de 50, a solicitar anulações e divórcios. Perguntei a ela, que agora tem 12 anos, o que pensava de sua vida quanto escritora de sucesso. Após o divórcio, voltou à escola e a morar com sua família, que agora vive dos royalties de seu livro. Mas agora que se tornou o arrimo da família, todo mundo vê as coisas de modo um pouco distinto. A primeira é que eles em geral apresentam elevados índices de natalidade. Em segundo lugar, esses países também tendem a praticar a poligamia e a apresentar taxas de mortalidade restante altas para as meninas. Isso significa menos mulheres disponíveis para casamento e mais solteiros frustrados para recrutamento por extremistas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.